diga-naoUm homem se que passava por profissional de Educação Física foi autuado em flagrante durante uma ação de fiscalização e orientação realizada pelo o Conselho Regional de Educação Física da 8ª Região (CREF8), no Acre.

De acordo com os agentes do CREF8, denúncias anônimas indicavam que o indivíduo ministrava aulas de exercícios resistidos com pesos (musculação), utilizando a metodologia de “circuito” para vários clientes, para os quais alegava ser profissional de Educação Física.

A equipe de fiscalização constatou durante a ação que o suposto professor não possuía documento que confirmasse a profissão. Ele foi imediatamente advertido e notificado de que iria responder criminalmente por suas ações, que configuram exercício ilegal da profissão, e que seria conduzido por uma unidade policial até a delegacia especializada mais próxima para lavramento de Termo Circunstanciado de Ocorrência – TCO (Nº 895/2016).

A academia onde o falso profissional atuava foi notificada e poderá ser multada juntamente com o seu responsável técnico. A ocorrência também foi encaminhada para outros órgãos de defesa, já que a prática configura crime contra o consumidor.